sábado, 3 de maio de 2014

Momento Romance de Banca #7: Escândalo, Candace Camp

A família Emmerson quer casar bem todas as suas filhas e a maior preocupação da matriarca da família é que Charity sossegue e tenha um bom casamento.

O Conde de Dure, mais conhecido como Diabo Dure, quer se casar novamente e ter um herdeiro e para isso sua esposa tem que ser uma moça bem aceita na sociedade, recatada, educada e de boa família. De início tudo indica que Serena Emmerson seja a candidata para o posto de Lady de Dure, mas Charity quer o melhor e felicidade de sua irmã que já estava apaixonada por outra pessoa. Então em defesa da irmã, ela vai a casa Dure, o que era bem ousada pra aquela época, e pede a mão do Conde em casamento. De início ele não acredita que uma senhorita de família seria capaz de tão atrevimento, porém concorda em se casa com ela ao invés da irmã.

A partir daí é que toda a trama do livro se desenrola, o noivado e o iminente casamento de Charity e o que tudo aquilo irá acarretar para sua família e o impacto do Conde, antes viúvo, se casar novamente com uma moça tão jovem.
A narrativa da Candace Camp é deliciosa, envolvente e divertida. Em vários capítulos me pegue dando altas gargalhadas com as peripécias de Charity.
A nossa protagonista é muito a frente de seu tempo, ela é uma moça que fala o que pensa de uma sinceridade alarmante para aquela época, em que as mulheres tinham modos de falar e quando pudessem falar tinham que ser frias e frívolas, e este não é o caso da Srtª Emmerson que não ver limites para suas atitudes e temperamento, bem teimosa e obstinada.
Simon Dure é um homem sofrido que perdeu a esposa e o filho durante o parto, ele ainda é bastante amargurado por isso e se culpa de ter engravidado sua esposa e tê-la perdido. E claro vários boatos correm por Londres, em que Simon seria o assassino de sua esposa, boatos estes que em nada amedrontaram sua jovem noiva. Ele de início sente uma poderosa atração por Charity, mas sempre bloqueando maiores sentimentos com medo de sofrer no amor novamente.
O romance é bem construído, de início a situação de Simon e Charity é confortável, eles são um casal adequado para sociedade e aos olhos deles próprios. Mas com o passar do tempo a convivência aproxima mais os dois, em suas atitudes, maneiras e carinho ao se tratarem.

A narrativa é bem ágil, embora seja de época, e cada informação não esta ali por mero acaso é importante para o leitor ficar atento até o final. Com algumas reviravoltas e assassinatos, sequestros, o livro flui muito bem. Um romance apaixonante que para mim a Candace já virou DIVA!!!

Quote:
“ – Todos dizem que o  senhor pretende pedir minha irmã em casamento. Até mesmo papai disse a mamãe ontem à noite que o senhor o faria logo.
 - É mesmo? – A boca do conde se retorceu.
 - Sim. Quando eu ouvi isto, soube que precisava fazer algo extremo.
 - A senhorita ? E o que seria isto?

 - Pedir-lhe que se case comigo, em vez de com Serena.     Pág.: 10"

2 comentários:

  1. Adoro romances de época. Faz tempo que não leio nada desta autora e fiquei com um super vontade de conferir este romance que me pareceu gostosamente cheio de clichês, bem do jeitinho que me agrada.

    Beijo, Van - Blog do Balaio
    balaiodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Parece interessante e eu adoro esses romances de época, tinha um pouco de preconceito, mas tenho lido mais romances e amando!
    bjs

    ResponderExcluir