quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Resenha: O Homem Perfeito, Vanessa Bosso


Melinda é daquele tipo de mulher que quando a coisa começa a desandar, é só ladeira abaixo, com humor e muito romantismo “O Homem Perfeito” nos é apresentado pela Vanessa Bosso.

A estória começa com Melinda voltando para sua cidade Natal Paraty, em seu carro que ela chama carinhosamente de “lucífer”, ela esta desempregada, sendo processada e sua vida amorosa um desastre só. Como toda filhinha de papai, o jeito é se refugiar no seio da família e é para lá que ela vai. Só que chegando em Paraty, os fantasmas do passado voltam a assombrá-la, também a promessa que ela e sua amiga fizeram há muito tempo atrás de encontrar o homem perfeito volta a sua cobrança.

Uma narrativa contagiante e com uma estória envolvente e muito divertida a autora me conquistou por completo. A protagonista que ela cria é totalmente louca, mimada e muito engraçada. Eu tive uma verdadeira relação de amor e ódio com Melinda, mas no fim acabei cativada por esta protagonista. Numa escala de 0 a 100 podemos classificar as emoções desta personagem maluquinha em 150, ela entra em ebulição mesmo.
 A autora ainda nos apresenta outros personagens secundários como a melhor amiga Nanie, que é o equilíbrio de Melinda, ela que dá umas sacudidas em Mel para a realidade. A família de Melinda também é muito importante na trama, seus avós (sabedoria e doçura definem esse casal de velhinhos), seu pai e sua mãe, a qual ela tem uma relação bem conturbada, que a muito tempo abandonou a família por motivos que só sabemos depois. E claro que não posso deixar de falar sobre par romântico, Bernardo um amor do passado que esta de volta a Paraty e enlouquecendo o coração e mente de Melinda.
Como os capítulos são curtos e a narrativa bem ágil você acaba o livro rapidinho, adorei a ambientação feita pela autora, toda na cidade histórica de Paraty com vários detalhes que me empolgaram a conhecer essa incrível cidade.
A estória não mirabolante e nem precisa, com detalhes bem românticos e toques de humor a autora te conquista nas primeiras páginas, com um final bem emocionado e o epílogo mais fofo de todos os tempos concluir este livro com um lindo sorriso no rosto.

Leitura obrigatória para românticas de plantão, como eu. Narrativa simples e estória previsível, mas que em nenhum momento deixou de ser envolvente e empolgante, muito bem recomendado.

Quote:
“ – Hum. – Vovô une os indicadores na altura do queixo, reflexivo. – Já posso imaginar o final dessa história. Se eu bem conheço meu caldeirão em ebulição, você partiu a cara dele ao meio”. Pág.: 29


Um comentário:

  1. Oii!
    Menina tô cansada de ver esse livro entre os blogs, todo mundo já tem menos eu rsrs'
    Adoro romances e com certeza iria gostar desse, parece ser um livro além de romântico, bem humorado e espirituoso sabe, daqueles que a gente imagina até como o personagem gesticula haha *-*
    beijoss
    Sublimar-me

    ResponderExcluir