quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Resenha: O lado mais sombrio


A.G. Howard 

Editora Novo Conceito
368 páginas
Ano: 2014 

Há aqueles que amam releituras, outros detestam. Eu não vou negar, gosto de releituras sim! E sempre que possível confiro as dos clássicos que mais gosto e vez ou outra surge uma releitura que acaba entrando para o hall de favoritos. Quando a Novo Conceito lançou O lado mais sombrio eu, primeiramente, me apaixonei pela capa, depois fiquei mais ansiosa para ler quando descobri que era sobre Alice nos País das Maravilhas. Entretanto, nem tudo na vida são flores e depois de ler os primeiros capítulos não achei “tudo isso”, MAS decidi dar uma chance ao livro... e tive uma bela surpresa!


O livro não vai contar a história da Alice no século XXI ou algo assim como imaginava, na verdade, a autora vai utilizar a história original como pano de fundo e criar sua própria história. Como assim? Entendi nada! Vejamos, segundo a mente da autora, o país das maravilhas realmente existe, mas de um jeito bem mais perigoso, psicodélico e sexy. E a pequena Alice Liddell das histórias do Lewis Caroll não estava apenas sonhando, mas esteve nos mundos dos intraterrenos e acabou mudando o curso da sua história e de suas descendentes femininas. Alice bagunçou tanto o país das maravilhas que supostamente levou uma maldição que a deixa com alucinações e ouvir pensamentos de plantas e animais. 

E em pleno século XXI, sua tataraneta Alyssa Gardner acha que poderá ter o mesmo destino que sua mãe: sanatório. Porém, graças aos sinais de uma mariposa azul ela descobrindo que poderá dar fim a toda dor e sofrimento que a maldição causa, ela terá que voltar na toca do coelho branco e reverter todos os erros de Alice. E, claro, junto com seu melhor amigo e paixão secreta Jeb. 

Contei o que estava mais ou menos na sinopse, mas alerto de antemão, nada é o que parece e reviravoltas virão! A autora conseguiu direcionar bem todos os personagens, amarrando e fechando bem a história apesar de ser uma trilogia (pois é). O livro acabou me surpreendendo bastante, superou todas as expectativas ruins que tive de primeira e não vejo a hora de ler a sequência. Se você, como eu não simpatizou com a história de inicio, dê outra chance! E pra você que quer ler, tá esperando o que? Para aqueles que curtem um YA com elementos sobrenaturais, romance e aventura esse sem dúvida é uma boa pedida. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário