sábado, 21 de dezembro de 2013

[RESENHA] O Presente - Cecelia Ahern



Da mesma autora de PS Eu Te Amo, O Presente segue a mesma linha da autora e seus outros títulos (A Vez da Minha Vida, As suas Lembranças são Minhas, O Livro do Amanhã e Aqui é o Melhor Lugar), histórias com um grande teor de moral e uma pitada fantástica que nos leva para uma dimensão maior que a nossa terrena.

O Presente começa e termina no dia de natal, tendo o seu desenrolar acontecendo durante as semanas que antecedem a data. A forma de narrativa e até o conteúdo da história me lembrou um pouco Um Conto de Natal (A Christmas Carol) do Charles Dickens. A trama consiste numa história contada por uma terceira pessoa, um policial prestes a se aposentar, a respeito do que presenciou naquele mesmo dia. E sobre tudo o que descobriu a respeito de um homem chamado Lou Suffern, um homem de negócios charmoso com uma família linda, mas que estava com a vida bagunçada. Até que conheceu Gabe, um homem de rua amedrontosamente parecido com você e que tinha coisas para dizer, bastante difíceis de serem escutadas.

Como de costume, me seguro aqui para não dar spoilers, mas fico lutando para saber o que dizer para prender a atenção de vocês e fazer com que se interessem de ler os livros que eu resenho. E O Presente é um desses livros que recomendo enfaticamente. Mas é difícil prender a atenção de vocês sem dar spoilers que vão literalmente estragar a experiência de leitura de vocês. Então resolvi listar algumas das coisas que vocês vão encontrar nesse livro, de forma aleatória e sem muitos detalhes. Vamos ver se dá certo. :-D

Um homem de negócios rico e viciado em trabalho. Uma família cheia de dinheiro mas ligados apenas por fio muito fino que está prestes a se romper. Um homem que já foi uma pessoa melhor, até o sucesso correr os limites da sua moral e caráter. Um outro homem bastante estranho e sem um tostão furado no bolso. Um estranho de olhos azuis penetrantes e cheio de palavras agudas que espetavam o outro homem sem ele saber por quê. O tempo. Escasso, corrido. Como fazer várias coisas ao mesmo tempo? Como escolher o que fazer por conta do tempo escasso? O que fazer quando o seu ritmo de vida exige que você se desdobre em dois? O que priorizar? Como conciliar a vida pessoal com a profissional? Um casamento na beira de um colapso. Uma segunda chance. Um pouco mais de tempo.

Leitura recomendada. Principalmente para esse período natalino, de virada de ano. Que você depois da leitura não seja o mesmo, seja melhor.


QUOTES

"As pessoas, como as casas, guardam seus segredos. Às vezes, os segredos as habitam; outras vezes, são elas que habitam seus segredos. Elas os envolvem fortemente com os braços para protegê-los, prendem a verdade na língua, Mas, após algum tempo, a verdade prevalece e se ergue acima de tudo. Ela se torce e se retorce dentro das pessoas, cresce até a que a língua, inchada, não seja mais capaz de segurá-la; então, chega o momento em que a pessoa precisa cuspir as palavras, arremessar a verdade com força pelos ares e deixá-la se espativar no mundo. A verdade e o tempo sempre trabalham juntos."

"Ele não sabia que era impossível dizer à vida quando ele estaria pronto para aprender, e a vida estava lhe dizendo que estava preparada para ensinar. Ele não sabia que não era o caso de apertar alguns botões e, repentinamente, saber de tudo; não sabia que os botões a serem apertados estavam nele mesmo. Lou Suffern achava que sabia tudo. Mas estava apenas começando a arranhar a superfície."

"O que está havendo com as pessoas hoje em dia? Todos acreditam muito rápido em todas essas novas descobertas científicas, comprimidos para isso, comprimidos para aquilo. Mas quando é preciso ter um pouco de fé em alguma coisa, todo mundo fica louco. Se milagres tivessem equações químicas, todos acreditariam neles. É decepcionante."

"O tempo é mais precioso que ouro, mais precioso que diamantes, mais precioso que petróleo ou quaisquer tesouros. É o tempo, o que nunca temos em quantidade suficiente. É o tempo que causa a guerra dentro de nossos corações. Devemos usá-lo com sabedoria. O tempo não pode ser embrulhado para presente e deixado embaixo de uma árvore na manhã de Natal. O tempo não pode ser dado. Mas pode ser compartilhado."


Aldrêycka Albuquerque 
    .


Nenhum comentário:

Postar um comentário