Páginas

sábado, 26 de março de 2011

O Clube do Livro 5 - Escritores Nacionais

Chega de tanta "internacionalidade"!!!! No Brasil, temos sim bons escritores tão envolventes carismáticos que nos conquistam nas primeiras linhas do a páginas dos livros.
É neste 5º encontro falamos sobre autores nacionais, fiz um recaptula desde Euclides da Cunha, Lima Barreto, Machado de Assis e Ariano Suassuna até Tammy Luciano e Eduardo Spohr!!! De suas origens, influências e temáticas.
Também relatei minha participação no Evento "Eu sou o número quatro" (Postado aqui), relatei como foi divertido e muito bem organizado pela @Marypaixao do blog  Muito Pouco Critica 
Por fim como não poderia deixar de faltar, sorteio de três autores da literatura brasileira:
* A Moreninha, de Joaquim Manoel de Macedo
* Memórias Póstumas de Brás Cubas, Machado de Assis
* A Casa estrelada, Júlia Lemos
Enfim nosso encontro foi muito proveitoso, pois trocamos idéias de livros que lemos e sempre saímos com novas informações, pois um assunto sempre leva a outro e assim por diante.
Meus sinceros agardecimentos a todos que participaram aos que ajudaram direta ou indiretamente!!Muito obrigada a Editora Galera Record pelos marcadores e livretos para incentivar a leitura!!
Nosso próximo encontro será no final de abril: 30/04/2011, no momento sem um tema!!rsrsrsrrsr
Em breve colocarei o cartaz no blog com todos os detalhes!!!Até o próximo!!!
As sortudas!!!

2 comentários:

  1. Concordo com você, nós temos sim grandes escritores que por preconceito da maioria são desvalorizados injustamente. Euclides da Cunha é um que admiro muito, eu amava minhas aulas de literatura brasileira. A moreninha e memórias póstumas, são clássicos e muito estudos nas escolas(ainda bem neh) e valem muito a pena serem lidos, além de que não custam caro, é um excelente investimento, e superam muitos livros internacionais famosos.

    ResponderExcluir
  2. Paula Camargo Souza8 de agosto de 2012 10:30

    Os escritores nacionais estão cada dia melhores e também acho que os investimentos estão cada vez maiores! Literatura brasileira vai melhorar demais!

    ResponderExcluir